Advogado de Lula provocou Moro sendo extremamente indelicado, mas juiz manteve a calma

Em meio ao depoimento de Lula, seu advogado Cristiano Zanin interrompeu bruscamente para dizer que o juiz Sergio Moro estava fazendo perguntas repetidas.

 

Fez isso de forma veemente e até indelicada. O juiz ouviu e serenamente disse: “Observação pertinente, mas continuarei a fazer perguntas”. Durante o tempo todo, Moro manteve-se calmo, sem alterar o tom de voz.

 

Em dado momento, Zanin disse que as perguntas de Moro eram “cansativas”. O juiz manteve-se impassível.

 

Via: VEJA

Créditos portalweb7.com