Bolsonaro é vítima de mais uma fake news espalhada pelo PT

Que os comunistas jogam sujo todo mundo já sabe. Mas eles sempre consegue se superar quando o assunto é canalhice. 

Desta vez, o site do PT acusou um assessor de Jair Bolsonaro de defender salas de aula separadas para negros e pobres.

É mais uma mentira suja do partido contra o candidato esfaqueado por um militante vermelho. 

O que o general Aléssio Ribeiro Souto disse para o Estadão, é que, em vez de cotas, é melhor oferecer aulas extras para os estudantes mais pobres:

“Que tal se, em vez de cota, propiciarmos ensino adicional, correção dos erros existentes, complementariedade?”

O PT sempre deturpa tudo para tentar dividir a população. Este partido tem que ser extinto. 

Compartilhe em Suas Redes Sociais