Bolsonaro rebate nova desinformação da mídia e expõe como irá combater criminosos

Em transmissão ao vivo, o presidente Jair Bolsonaro rebateu ondas de manipulação e desinformação por parte da mídia a respeito de recente projeto de lei enviado ao Congresso Nacional.

“GLO – Garantia da Lei e da Ordem. Há uma polêmica por parte da imprensa. Quando um estado, como é comum e já ocorreu no Rio de Janeiro, o governador não se vê em condições de garantir a segurança de sua população, ele entra com um pedido para o presidente da República. O presidente entende a necessidade de um aporte de material e pessoal para combater. Assinava um decreto e as Forças Armadas estavam à frente dessa missão de segurança”, relatou o presidente.

“O que acontecia? Sou um capitão do Exército e sei o que um capitão, um coronel, um soldado, um cabo passam nesse momento. A primeira preocupação é com a vida, mas há uma coisa tão importante quanto a vida: a liberdade”, argumentou o chefe de Estado.

“Se eles entendem que precisam mandar gente para lá, há uma situação instalada. Depredam, andam de fuzil. O pessoal das Forças Armadas e o pessoal do artigo 144 vai para lá e alguns acham, assim como a imprensa, que esse pessoal tem que chegar lá com rosas, soltando beijos, fazendo ação social. Tem de chegar e restabelecer a ordem mostrando para os marginais que ele é a autoridade”, complementou Bolsonaro.

Veja o Vídeo.