política

Bolsonaro se pronuncia sobre soltura de Lula: 'Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa'

O presidente Jair Bolsonaro, pelas redes sociais, reforçou a necessidade de não cometer erros e pediu aos cidadãos que “não deem munição ao canalha”.

Bolsonaro compartilhou um trecho de seu discurso na formatura de novos policiais federais e disse: “Nós, pessoas de bem e amantes da liberdade, somos a maioria.

Na busca da paz e prosperidade não podemos cometer erros. Sem um norte e um comando, mesmo a melhor tropa, se torna num bando que atira para todos os lados, inclusive nos amigos. Iniciamos há poucos meses essa nova fase.

Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa. BRASIL ACIMA DE TUDO! DEUS ACIMA DE TODOS!”.

Veja o Vídeo.