Carmen Lúcia recebe pedido de ‘suspeição’ de Toffoli para julgar Lula por já ter sido advogado militante do PT

Gostou? Compartilhe!

Está nas mãos da ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) o pedido de Exceção de Suspeição e Impedimento proposto contra o ministro José Antonio Dias Toffoli. no sentido de que seja declarado o impedimento de sua participação no julgamento do Habeas Corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A ação proposta pela entidade Associação Brasil NasRuas argumenta que o ministro “construiu sua carreira profissional na política e através das benesses proporcionadas pelo Partido dos Trabalhadores, sempre referendado pela alta cúpula petista”.

Na sequência, os advogados da entidade argumentam que Toffoli, “na qualidade de advogado mor do PT, atuou em mais de quinhentos processos eleitorais defendendo os interesses da sigla”.

O petitório ainda lembra que Toffoli foi assessor dos réus condenados José Dirceu e José Genoíno e foi sub chefe da Casa Civil no governo do réu Luiz Inácio Lula da Silva.

Na ação fica evidenciada a ligação umbilical havida entre Dias Toffoli e a cúpula do PT.

(Jornal da Cidade Online)


Gostou? Compartilhe!