CEO da Goldmann compara Bolsonaro com Trump e afirma “vai vencer no primeiro turno”