Com Exército nas ruas, Rio Grande do Norte decreta calamidade na Segurança Pública

O governador do Rio Grande do Norte decretou estado de calamidade no sistema de Segurança Pública do Estado.

 

O decreto foi publicado no Diário Oficial neste sábado (6) e o motivo é a greve dos policiais civis e militares e o aumento da violência.

“Considerando o aumento dos índices de violência decorrente da paralisação das atividades dos policiais militares e civis, consoante os dados expedidos pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social”, argumenta o governador Robinson Faria no decreto.

É bom destacar, Robinson Faria foi eleito com Lula como seu principal cabo eleitoral.

 

Via: papotv.com.br