Decotelli entrega carta de demissão a Bolsonaro

Na tarde desta terça-feira, 30, o recém-nomeado ministro da Educação, que sequer chegou a tomar posse, Carlos Alberto Decotelli, entregou uma carta de exoneração ao presidente Bolsonaro.

Após instituições virem a público desmentir o que Decotelli publicou em seu currículo, algo que gerou imenso desgaste, a própria equipe do presidente aconselhou o ministro a deixar o cargo.

O presidente desde a segunda-feira considera insustentável a continuidade do ministro, embora tenha publicado uma mensagem em rede social elogiando a capacidade dele.

Bolsonaro fez a publicação depois de ter se reunido com Decotelli e ouvido as suas explicações.