Depois de condenar o pai, Lava Jato poderá também condenar o filho de Lula


Na sentença em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado a nove anos e seis meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no recebimento do tríplex do Guarujá como “vantagem indevida da OAS”, o sítio de Atibaia foi mencionado 46 vezes.
A Lava Jato já denunciou Lula também no caso do sítio de Atibaia.
O Globo diz que “a aceitação da denúncia por Moro não foi divulgada, mas o caso é tratado como ação em andamento”.

As provas de que Lula é o dono do sítio, são ainda mais robustas do que as provas do caso triplex.

O processo envolve também o filho de Lula, Lulinha. Se tudo der certo, ele também será condenado, assim como o pai.

Via papotv.com.br