Dilma é processada pela compra de Pasadena

A Comissão de Valores Imobiliários acaba de abrir um processo sancionador contra Dilma Rousseff e o restante do conselho da Petrobrás, na época da compra da refinaria de Pasadena.

A compra, realizada em 2006, trouxe o prejuízo de US$ 792 milhões para a Petrobrás.

Além de Dilma, os demais acusados são figurinhas marcadas pelas investigações e prisões daOperação Lava Jato, como por exemplo, Antonio Palocci, Nertor Cerveró, Paulo Roberto Costa, Renato Duque e outros.

Via: republicadecuritiba.net