Dilma Rousseff ataca Bolsonaro e é desmascarada

A ex-presidente que sofreu o impeachment, Dilma Rousseff, discursou em Porto Alegre e atacou “a direita conservadora”.

A ex-guerrilheira defensora de Che Guevara e Carlos Lamarca citou o nome de Jair Bolsoanaro:

Ele jamais poderia, de público, defender a tortura.”

O site O Antagonista lembrou bem que prometer mortes se Lula for condenado pelo TRF4 é igualmente condenável.

Defender regimes que mata como mataram o opositor Óscar Pérez, mesmo rendido, então nem se fala.

 

Via: papotv.com.br