Em Brasília, ex-presidente Lula declara guerra contra a Globo e faz ameaça

O ex-presidente Lula pretende voltar com tudo em 2018, e nesta semana, resolveu falar sobre uma antiga inimiga: a Globo. O político falou abertamente sobre o assunto no seminário sobre economia organizado pela Fundação Perseu Abramo, em Brasília, na última segunda-feira (24).

Ele revelou ainda, de acordo com informações do Brasil 247, que não vai almoçar com os Marinho, proprietários da emissora, nem vai falar com a revista Veja. “Eles vão ter que entender que estarão lidando com um cidadão diferente. Se não sabem lidar com as mentiras que eles inventarem, eu não posso fazer nada”, anunciou o ex-presidente.

“Eles que escolham seu candidato, porque eu já derrotei o candidato da Globo”, completou Lula. “Está chegando a hora de parar de falatório e provar. A prova em cima do papel. Quero que mostrem uma conta, um desvio de conduta meu”, continuou o futuro candidato à presidência.

“Eu não sou de reclamar, mas ninguém aguenta. São quase 18 horas de “Jornal Nacional” tentando massacrar esse pobre coitadinho que veio de Garanhuns”, disse ele em outra ocasião, segundo o portal Estadão.

Fonte: www.otvfoco.com.br