Geddel passa mal, chora sem parar e é transferido para receber medicação

Nessa segunda-feira (11), o ex-ministro de Temer, Geddel Vieira Lima, acabou passando mal e precisou ser levado à ala médica para receber medicação.
Lá, teve a pressão arterial aferida: 19 por 10. Apesar do quadro, Geddel permaneceu algemado a um outro detento, de idade avançada. Por causa disso, foi obrigado a caminhar lentamente.

Geddel cumpria prisão domiciliar, mas teve a preventiva decretada pelo juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, em uma nova fase da Operação Cui Bono, depois que a Polícia Federal encontrou mais de R$ 51 milhões atribuídos a ele, em um apartamento na capital baiana.

O proprietário, Sílvio Silveira, confirmou, durante depoimento, que emprestou o imóvel ao ex-ministro.

Via: papotv.com.br