“General” vermelho promete caos caso Lula não seja candidato