Gilmar Mendes leva outra ‘cacetada’ de Herman Benjamin

Gilmar Mendes citou novamente a JBS, que nada tem a ver com o processo, para mais um desabafo contra o Ministério Público.

Ele disse que houve uma clara combinação entre delatores e procuradores para que todas as doações fossem colocadas como propina.

Herman Benjamin, porém, afirmou não compartilhar dessa visão e aproveitou para dar outra cacetada no colega, dizendo que era momento de esquecer a JBS, que não faz parte do processo.

Gilmar rebateu: “Essa é a minha visão”. Herman finalizou chamando a JBS de “fantasma” que está pairando sobre o plenário.

Via papotv.com.br