Gilmar Mendes solta mais um preso da Lava Jato

O ministro Gilmar Mendes soltou Arthur Pinheiro Machado, acusado pela Lava Jato de ser o “líder da organização criminosa que desviava recursos dos fundos de pensão”.

Foi a 21ª soltura autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), desde o mês de maio.
Machado, preso desde abril último, durante a Operação Rizoma, desdobramento da força-tarefa no Rio de Janeiro.

A operação investiga os crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e corrupção que causaram prejuízos com investimentos malsucedidos nos fundos de pensão dos Correios (Postalis) e do Serpro (Serpos).

Via: PAPOTV

     

Gostou? Compartilhe!