Intenção de voto em Bolsonaro dispara entre as mulheres

 pesquisa Datafolha revelou uma disparada de Jair Bolsonaro na reta final da campanha. O curioso, é que o crescimento acontece após o movimento #EleNão, convocado nas redes sociais pelas “artistas” feministas. 

O movimento parece ter ajudado e muito a tomada de decisão das mulheres que estavam indecisas. Enquanto na manifestação contra Bolsonaro via-se “artistas” globais que têm a vida boa graças ao dinheiro público, e feministas mostrando o seio e a bunda em suas performances bizarras, do outro lado, a favor do capitão, via-se mulheres com filhos no colo, ao lado dos maridos e lutando pela Pátria, Família, Liberdade e Deus. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Foi exatamente isso que levou Bolsonaro a disparar nas intenções do voto feminino. O capitão tinha 21% na penúltima pesquisa e subiu para 27% neste última. 

Fernando Haddad, do PT de Lula, tinha 22% na penúltima e caiu para 20% nesta última. 

Ciro Gomes  tinha 13% e oscilou para 11% enquanto Geraldo Alckmin de 9% para 11%.

Compartilhe em Suas Redes Sociais