José Dirceu dá tiro no pé: mesmo queimado na praça, ele aparece defendendo “Diretas Já”

Mesmo tendo sido um dos primeiros políticos condenados no mensalão e estando envolvido com outros esquemas de corrupção, José Dirceu se coloca na posição de opinar e dizer o que é certo ou errado para o país.

 

Em um artigo que escreveu para a Folha, José Dirceu, que já está queimado, defendeu “Diretas Já” e nova constituição. Em um trecho do texto, Dirceu diz que “a coalizão golpista deu origem a um governo abarrotado de históricos corruptos”.

 

Dirceu diz que não há espaço para conciliação. “É necessário, para o bem-estar social do país, dar fim à armadilha de uma falsa harmonia nacional e um ludibrioso salvacionismo contra a corrupção”, disse Dirceu.

 

Seria engraçado, se não fosse trágico.
Via jornalivre.com