José Dirceu esnoba líderes das Forças Armadas e atiça o ódio dos militares

Ex-ministro fez duras críticas a generais e disse que eles pensam apenas no poder.
José Dirceu esnoba líderes das Forças Armadas e atiça o ódio dos militares

O ex-ministro da Casa Civil do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, José Dirceu, escreveu uma carta criticando duramente os líderes das Forças Armadas brasileiras. Com fortes palavras, ele mencionou o general Villas Bôas, atual comandante do Exército e os generais Mourão e Heleno.

 

Após ‘atacar’ também o deputado federal Jair Bolsonaro dizendo que ele é homofóbico, violento, o ex-ministro fez declarações de que novos candidatos estão surgindo dos quartéis. Condenado pela Justiça e alvo de várias denúncias sobre participação em esquema criminoso de recebimento de propina, ele tenta levar as pessoas a acreditar que os Militares só propagam a violência e seria um erro darem apoio a esses generais que inflamam o ódio.

Indo contra as insinuações do ex-ministro, os generais Mourão e Heleno nunca se propuseram a disputar as eleições e já falaram que não pretendem concorrer a nenhum cargo. Claro, que existem alguns militares que pretendem entrar na vida política e como cidadãos, eles têm totalmente esse direito.

De acordo com seu texto, Dirceu chegou a dizer que o general Villas Bôas chegou a escorregar ao não punir as palavras de intervenção militar ditas por Mourão. E afirmou que os militares devem zelar pelas Fronteiras do país, pela Amazônia, caso contrário, serão policiais a serviços de facções, que querem o poder de qualquer jeito.

Indignação de militares
No site “Revista Sociedade Militar”, as declarações do petista não pegaram bem e surgiram vários questionamentos contra ele.

Como pode alguém falar em facção, em referência àqueles que disputam o poder, se o partido dele está desesperado para voltar ao Palácio do Planalto.

Sobre projeto de nação, isso sempre foi defendido pelas Forças Armadas e um dos desafios é de se distanciarem de partidos políticos.

Críticas ao comunismo
O militar Robson A. Silva, responsável em divulgar a matéria da “Revista Sociedade Militar”, afirmou que Dirceu está completamente fora de entender realmente o que acontece dentro das Forças Armadas. Segundo o militar, o povo está sendo ameaçado por maus brasileiros e pelo comunismo e os militares estão preparados para que isso não aconteça.

Diferentemente de políticos corruptos, o militar ressaltou que aqui não existe rabo preso.

O trabalho das Forças Armadas é muito respeitado e é uma das instituições que mais possui confiança do povo brasileiro. As declarações de Dirceu foram repudiadas, ainda mais vinda de alguém que tem problemas na Justiça.

Via: blastingnews.com

     

Gostou? Compartilhe!

  • 9.2K
    Shares