Lava Jato comunica ao TRF-4 que inelegibilidade de Lula é clara