Lula e Dilma serão lembrados como os maiores criminosos da história do Brasil, dizem historiadores