Mãe descobriu que filha de apenas 5 anos era abusada ao ver um desenho dela. E quem abusava era o pastor de sua igreja!

Os pais começaram a perceber que o comportamento da filha estava diferente.

 

A menina estava mais arisca, principalmente diante de homens e estava até dificuldades de ficar sozinha com o próprio pai em casa.

Lamentavelmente, a violência sexual contra crianças é uma realidade em todo o mundo, por isso é importante que os pais fiquem muito atentos ao comportamento de seus filhos.

Em Montes Claros (MG), os pais de uma menina de 5 anos conseguiram descobrir que a filha de era abusada pelo pastor da igreja, João da Silva de 54 anos, que a família frequentava.





Os pais começaram a perceber que o comportamento da filha estava diferente. A menina estava mais arisca, principalmente diante de homens e estava até dificuldades de ficar sozinha com o próprio pai em casa.

Então os pais notaram os desenhos feitos pela menina e descobriram seis desenhos que indicavam que ela estava sofrendo abusos.


“Foram encontrados entre cinco e seis desenhos nos pertences da criança. Um dos desenhos feitos pela criança que chamaram atenção, mostra figura de um homem nu com o pênis ereto”, afirmou a delegada Karine Maia, da Delegacia de Repreensão aos Crimes Contra a Mulher de Montes Claros, responsável pelo caso em entrevista ao jornal Estado de Minas. Também foram encontrados desenhos que representam uma pessoa rindo e outra chorando.

Ao questionarem a menina sobre os desenhos, ela contou todo o abuso que sofreu.

“Ela contou detalhes, dizendo que ele tirava a roupa dela e a colocava dentro de um berço, já que a sala era um berçário, e tirava a roupa dela, tocava nas partes íntimas dela e fazia sexo oral”, afirma a delegada. A criança contou ainda que João da Silva trancava a porta da sala.





João da Silva deu aulas de inglês para a menina entre julho de 2015 e janeiro de 2016. E a própria menina pediu para não ir mais nas aulas.

Primeiro o pai da menina contou o que aconteceu a outro pastor da Igreja e então, ambos questionaram João da Silva, que confessou o crime.

Em seguida, o pai da menina denunciou João da Silva na delegacia. Quando interrogado pela polícia, João da Silva negou o crime e afirmou que apenas havia dito ao pai que abusou a menina porque estava sendo pressionado.

João da Silva está preso. E a polícia investiga se outras crianças foram abusadas por ele.


Sinais de que a criança está sendo abusada

Uma a criança abusada sexualmente pode desenvolver problemas comportamentais. Esses comportamentos são variáveis e não específicos.

Algumas mudanças que podem ocorrer são:

1-Medo de uma determinada pessoa ou lugar e ser deixada sozinha com o indivíduo;

2-Reagir fortemente à uma pergunta sobre alguém tocá-la;

3-Estar mais consciente e preocupada com a conduta sexual, palavras e partes do corpo;

4-Ansiedade irracional sobre o exame físico de um médico;

5-Parecer hipersexualizada e tentar fazer com que as outras crianças simulem atos sexuais;

6-Crianças menores podem regredir em seu desenvolvimento e voltam a fazer coisas como xixi na cama;





7-Mudança de comportamento repentino e sem explicação;

8-Hábitos alimentares podem mudar;

9-Mudança nos relacionamentos. A criança pode ficar mais retraída ou se tornar mais agressiva;

10-Mudanças na escola. Sua motivação e concentração podem sofrer e suas notas podem cair;

11-Medo injustificável, muitas vezes, chora e fica agarrada ao seu pai;

12-Queixas físicas inexplicáveis, tais como dores de cabeça, dores de estômago, ou reclamações sobre a genital.

Fiquem atentos, e a qualquer sinal, busquem ajuda especializada.