Médico do Exército apoiador de Bolsonaro é encontrado morto com sinais de execução

O médico do Exército Gabriel Costa Lima, de 28 anos, foi encontrado morto perto de uma cachoeira na Chapada dos Veadeiros. 

A Polícia Civil trabalha com a hipótese de execução, já que o corpo de Gabriel levou ao menos 4 tiros. 

O médico, que era um apoiador de Jair Bolsonaro, foi atingido nas costas, costela, nuca e bochecha, provavelmente efetuados por uma arma calibre 32. 

O delegado plantonista Yasser Yassine afirma que os locais dos disparos sugerem a prática de uma execução.

“A suspeita é de execução pelo modus operandi do crime. Esses tiros na nuca e na bochecha nos leva a crer isso. Se fosse um assalto, não teria necessidade desses disparos. Porém, não descartamos outras hipóteses”, disse o delegado. 

Nos comentários no perfil do médico no Facebook, um colega comentou: “RIP Infelizmente o doutor nos deixou. Provavelmente o assassino, se for pego, terá 4 advogados para defendê-lo.”

Fonte: PAPOTV

Compartilhe em Suas Redes Sociais