Mesmo preso, Lula orienta como PT deve agir diante de uma eventual vitória de Bolsonaro

Ex-presidente teria passado as informações para o ex-presidente do PT, Rui Falcão.

Rui Falcão, ex-presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), disse, nesta quinta-feira (25), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mesmo ainda esperançoso com uma possível vitória de Fernando Haddad (PT), já deu o direcionamento de como o partido vai se comportar caso Jair Bolsonaro (PSL) vença a disputa.

Segundo Falcão, Lula orientou que o partido se coloque em oposição a qualquer medida tomada por Bolsonaro. Outro detalhe pedido pelo petista, é que se formem caravanas após as Eleições para um tipo de reorganização no partido, visando ao seu crescimento.

Falcão comentou que Lula passou todas as informações para ele da importância de valorizar a militância que nunca abandona o partido.

Lula quer que o PT vá até o povo, faça caravanas e tente uma reorganização. Se Bolsonaro ganhar, o condenado pela Lava Jato exige uma oposição dura contra o capitão, cobrando compromissos com o povo. O ex-presidente do PT esteve visitando Lula na cadeia juntamente com a senadora Gleisi Hoffmann.

De acordo com Rui Falcão, o discurso de Lula é voltado para aqueles que estão em torno da campanha de Haddad. Mesmo que perca as eleições, aos poucos as coisas vão se “assentar” e as promessas de campanha terão que ser cumpridas.

O líder do PT afirmou que quando se assume um governo, passa um certo tempo, as pessoas querem ver resultados, mesmo os que apoiaram o candidato e, é aí, que na visão de Lula, Bolsonaro vai ter que se entender com o povo. O presidiário chegou a citar algumas promessas feitas pelo capitão do Exército, como exemplo.

Gleisi dá declarações
A atual presidente do PT, Gleisi Hoffmann, que também esteve visitando Lula, disse que o momento não é de “festa”, mas reiterou que o partido não se afastou do povo. Ela rebateu as críticas do cantor Mano Brown, que afirmou em um comício de Haddad que o PT não estava junto com o povo. Para Gleisi, isso não é verdade pois, segundo ela, o partido não conseguiria chegar ao segundo turno se fosse por isso.

Caixa dois
A parlamentar disse que Haddad só não conseguiu ultrapassar Bolsonaro porque o candidato do PSL se utilizou de fake news e caixa dois em sua campanha. Ela enalteceu o PT e disse que é o maior partido do Brasil. Entretanto, acusou a campanha de Bolsonaro de tentar desconstruir essa imagem.

Lula está preso na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. Ele foi condenado a uma pena de 12 anos e 1 mês de cadeia por corrupção e lavagem de dinheiro na ação penal do triplex de Guarujá.

Via: blastingnews

Compartilhe em Suas Redes Sociais