O STF deixou Bolsonaro mais próximo da Presidência

Por Flavio Morgenstern
“A chamada “onda conservadora” é uma revolta contra o estamento burocrático. O teatro do STF ao julgar o habeas corpus de Lula pode deixar Bolsonaro mais próximo da presidência.

(…) Os ministros do STF, em um cenário em que seus 11 membros são mais conhecidos do que toda a seleção brasileira (alguém se lembra de que a Copa começará em 3 meses?), podem até votar ideologicamente, conforme suas vontades individuais, na maior parte das vezes a mesma dos presidentes que os indicaram. Entretanto, não serão mais interpretados pelo povo como “a decisão dos juízes”, e sim “a decisão do Lewandowski”, “a decisão do Toffoli”, “a decisão do Gilmar” e assim por diante. Pronunciar as sentenças em voz alta na presença de testemunhas dá mesmo um peso de sentença valorativa às descrições.”

 

Fonte: www.noticiasbrasilonline.com.br

   

Gostou? Compartilhe!

  • 7K
    Shares