Sem categoria

Para Jair Bolsonaro, o povo quem terá o poder de decidir acerca de municípios com menos de 5 mil habitantes

Ideia do governo é acabar com cidades que têm menos de 5 mil pessoas, assim como as que têm uma arrecadação própria menor do que 10% da receita total

Jair Bolsonaro durante a posse do novo ministro da Educação, o economista Abraham Weintraub, no Pal.acio do Planalto. Brasilia, 09Abr2019.Foto: Sérgio Lima/PODER 360

Jair Bolsonaro, presidente da República, afirmou na manhã desta quarta-feira (6) que a ideia de unir municípios com baixa sustentabilidade financeira não irá ser imposta. “O povo vai decidir”, disse.

O governo deseja acabar com os municípios que possuem menos de 5 mil pessoas e com uma arredação própria menor que 10% da receita total. A sugestão de alterações na legislação a fim de viabilizar a fusão se encontra na PEC 188/2019, acerca do novo pacto federativo, o qual foi entregue simbolicamente por Jair Bolsonaro ao Congresso nesta terça-feira, dia 5.

Jair Bolsonaro ainda declarou que a proposta atinge municípios que se encontram no “negativo”. “E a população vai ter de concordar. Ninguém vai impor nada não”, afirmou. O presidente tratou acerca da proposta com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada. Bolsonaro não chegou a deixar claro de qual modo seria realizada a consulta ao povo.

O presidente preferiu não conversar com a imprensa durante a manhã. “Abusaram no passado. Tem município que vive graças a fundo de participação de município. Não tem renda, não tem nada”, declarou Bolsonaro. “Vou deixar bem claro, já que está gravando aí o povo vai decidir, tá ok?”, disse.