Pela conveniência do “Fora Temer”, Maria do Rosário sai em defesa até das Forças Armadas

Nunca foi novidade a aversão que a imensa maioria dos políticos de esquerda sente em relação aos militares, seja das Polícias ou das Forças Armadas. Tal ojeriza remonta do período dos governos militares, quando os generais agiram para evitar que o Brasil se transformasse numa ditadura comunista. O enfrentamento entre os militantes vermelhos e as tropas da Marinha, Aeronáutica e, principalmente, Exército ainda evoca ressentimentos até mesmo em algumas pessoas que não vivenciaram aquela época. Um exemplo, são os jovens universitários de hoje, influenciados pela história imparcial contada pelos professores.

 

E entre os políticos de esquerda mais conhecidos, destaque para a deputada Maria do Rosário (PT-RS), notória aliada dos movimentos de direitos humanos e que vive quase sempre em confronto com os servidores de coturno. Talvez, ela esteja entre as figuras públicas mais detestadas no meio militar. Parte desta rejeição, ocasionada pelos constantes embates com o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), ex-capitão do Exército e muito popular entre os membros das polícias militares e Forças Armadas.

 

Pois bem, nesta segunda-feira (14) Maria do Rosário retuitou uma postagem do ex-ministro Tarso Genro (PT), criticando os cortes orçamentários do Governo Temer nas Forças Armadas (Ver print). “O Senhor Temer e seu Governo cortam recursos das Forças Armadas por que não possuem respeito pela defesa do território, da soberania e das fronteiras do Brasil”, escreveu.

 

Retuíte de Maria do Rosário
A crítica da deputada e do ex-ministro fariam sentido se eles não fossem quem são: petistas que se pautam pela conveniência do momento. E no presente, o discurso do “Fora Temer” é a conveniência. Quando os cortes no orçamento militar ocorriam no Governo Dilma Rousseff ninguém ouviu um pio da parte de Maria do Rosário. Ademais, os cortes que estão acontecendo agora decorrem justamente do desmantelo financeiro deixado por Dilma

.

 

Fonte: O Elefante