Plano de Bolsonaro vai exterminar o crime

O candidato Jair Bolsonaro, esfaqueado por um militante de esquerda durante um ato de campanha em Juiz de Fora, tem um plano para exterminar o crime.

O general Augusto Heleno, seu provável ministro da Defesa, está preparando um programa infalível de combate a criminalidade.

Heleno já liderou as tropas no Haiti e sabe muito bem como lidar com este tipo de problema. A missão de paz no Haiti foi um sucesso graças as estratégias do general.

O UOL resumiu os pontos principais do plano:

“Na área de segurança, o grupo traça estratégias para combater a lavagem de dinheiro do tráfico de drogas, armas e madeira. Para o grupo, rastrear o dinheiro movimentado nessas atividades é a melhor forma de combater o crime organizado.

Em paralelo, defendem investir em dois programas das Forças Armadas de monitoramento de fronteiras, o Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras) do Exército, e o Sisgaaz (Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul), da Marinha, e aumentar os esforços diplomáticos para convencer países vizinhos a reprimir mais o tráfico.

Eles ainda discutem como integrar a troca de informações de inteligência da Polícia Federal com polícias estaduais.

Para a equipe técnica de Bolsonaro, as Forças Armadas terão papel de destaque na segurança pública (…).

Também entendem que o Exército, a Marinha e a Aeronáutica devam continuar a ser usados em operações de Garantia da Lei e da Ordem.”

Via: PAPOTV

Compartilhe em Suas Redes Sociais