Polícia Federal prende índios por prática inacreditável

A Polícia Federal, juntamente com a Polícia Rodoviária Federal entraram em ação conjunta nessa terça-feira (12), para cumprir quinze mandados de prisão contra índios Nambikwara, em Comodoro, a 677 km de Cuiabá.

Eles estavam bloqueando um trecho da rodovia e cobrando pedágio de motoristas há mais de um mês. A tropa de choque também entrou na operação, que foi nomeada de Via Líbero. A polícia também teve apoio do helicóptero da PRF e de algumas ambulâncias, caso alguém ficasse ferido.
O mandado foi expedido pela 1° Vara da Justiça Federal de Cáceres, contendo ordens de prisão, busca e apreensão, além da remoção de todo material usado na cobrança ilegal de pedágio. A PRF informou que eles irão responder por cobrança ilegal de pedágio e extorsão.
Os suspeitos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal de Cáceres. Em maio desse ano houve outra operação semelhante na mesma região, mas os criminosos voltaram a realizar o mesmo delito, no mesmo local, cobrando pedágio ilegalmente.

O valor do pedágio era entre 10 a 50 reais por veículo que passava pelo trecho do km 1243 da rodovia. Além de cobrar taxas para os motoristas que passavam no local eles reivindicam melhorias no atendimento de saúde e nas estradas das aldeias.
A população da região está bem desapontada com a atitude dos índios, pois estão exigindo que as autoridades façam melhorias e pedem justiça social, exercendo crimes e atos ilegais, através de extorsões e cobranças ilícitas, tendo atitudes muito incoerentes.