Possibilidade de Bolsonaro vencer já em primeiro turno preocupa adversários

Últimas pesquisas eleitorais divulgadas ascendem sinal amarelo nas campanhas rivais do candidato do PSL.
O capitão reformado do Exército brasileiro, Jair Messias Bolsonaro, possui um trunfo em mãos. O presidenciável, embora com aproximadamente oito segundos de tempo no horário eleitoral gratuito, lidera as pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República e tem chances de uma vitória já em primeiro turno. A possibilidade preocupa campanhas adversárias que já vislumbram esse cenário caso Bolsonaro continue subindo nas intenções de voto, conforme as últimas pesquisas eleitorais, e angariando grande quantidade de pessoas dispostas a dar o voto útil na reta final do primeiro turno.

Adversários reagem à chance de vitória de Bolsonaro já no domingo
No Partido dos Trabalhadores (PT), até o final da tarde de terça-feira (2), não existia um consenso em relação a de que maneira a campanha do candidato da sigla, Fernando Haddad, pudesse reagir à possibilidade de vitória de Bolsonaro já em primeiro turno.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Vale ressaltar que parte da sigla petista já apoiava a ideia de que a campanha do petista deveria atacar Bolsonaro nos dias restantes da campanha. Outra parte da sigla via essa situação com ceticismo e preferia que se mantivesse a calma, ao preferir que Fernando Haddad continuasse com a campanha “paz e amor”.

Pesquisas internas realizadas pelo próprio PT dão conta de que Bolsonaro está ganhando pontos preciosos na reta final da campanha. As pesquisas da legenda se tornaram diárias. Informações da Folha de S.Paulo descrevem que “a possibilidade de Jair Bolsonaro liquidar a fatura em primeiro turno já teria entrado no radar dos seus principais adversários”. Ainda segundo o jornal, “as pesquisas diárias internas da legenda mostravam, como o Datafolha, o capitão reformado ganhando pontos nos últimos dias”.

De acordo com as últimas pesquisas Ibope e Datafolha, o presidenciável do PSL segue na liderança no primeiro turno, embora a possibilidade de uma vitória já no domingo seja muito pequena. As pesquisas denotam ainda que a maior probabilidade é de que haja segundo turno entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

Via: blastingnews

Compartilhe em Suas Redes Sociais