Recado de Mourão foi dirigido a Lula

O Exército brasileiro não permitirá que um criminoso, condenado, com uma imensa folha corrida de picaretagens para prestar contas à sociedade, assuma a presidência da República, mesmo que vença as eleições.

É este o recado dado pelo general Hamilton Mourão para a horda petista, para Lula e para integrantes do Judiciário que tentam evitar a prisão do meliante, permitindo assim que ele seja candidato em 2018.

O inigualável site ‘O Antagonista’ em matéria publicada nesta sexta-feira (22) faz esta brilhante leitura e acrescenta: ‘Mourão também falava aos agentes políticos que tentam fazer um acordão, com ajuda desse mesmo Judiciário, para livrar Lula e demais lideranças políticas da cadeia e enterrar a Lava Jato’.

“Mourão serviu como uma espécie de porta-voz de Sérgio Etchegoyen, hoje o general mais poderoso do País e que tem ocupado cada vez mais espaço no governo Temer – num movimento avaliado por alguns observadores como uma espécie de ‘intervenção branca’, com o objetivo de garantir uma transição pacífica no ano que vem.”

“Meses atrás, Etchegoyen enviou recado semelhante ao Congresso Nacional – de forma bem menos ostensiva -, quando Lula, integrantes do PT e de outros partidos de esquerda passaram a disseminar a ideia de convocar de novas eleições gerais.”

O recado está dado.

VEJA TAMBÉM

Via: JORNAL DA CIDADE ONLINE