Reviravolta: Cármen Lúcia contra a Lava Jato?


A presidente do Supremo Tribunal Federal-STF ministra Cármen Lúcia poderá dar um passo contra a Lava Jato, caso ela vote pela revisão das delações,diz Lauro Jardim (O Globo).

Leia abaixo:

“Cármen Lúcia deu sinais nos bastidores de que deverá votar pela possibilidade de revisão dos benefícios de um delator se as informações fornecidas não forem eficazes para a investigação.

Já têm esse entendimento Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio Mello.

Se Cármen votar com o trio, Dias Toffoli e Alexandre de Moraes já anunciaram que mudarão seus votos.

O placar de 6×5 criará uma brecha para que uma delação possa ser revista se o juiz entender, ao fim do caso, que as provas não foram suficientes para fazer jus aos benefícios”.

 

Via mudancadeparadigmas.com