‘Saída estratégica’ de Sérgio Moro surpreende ministros do STF

Gostou? Compartilhe!

Juiz é rápido em decisão e empareda ministros do STF em relação a uma possível mudança na jurisprudência da Corte.

O juiz federal Sérgio Moro teve uma decisão rápida e que surpreendeu os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), inclusive, até aqueles que votaram contra o habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A expedição do mandado de prisão do petista foi realizada menos de 24 horas após a Corte negar o habeas corpus para Lula. Conforme informações da Folha de São Paulo, ministros se assustaram com a dinâmica do juiz ao ter uma ação rápida no caso do ex-presidente.

A presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, foi uma das que mais sentiu com a decisão de Moro, já que surgiram inúmeras críticas contra ela, por parte dos defensores do petista, que viram uma estratégia dela para Lula se dar mal.

Segundo eles, ao invés dela colocar na pauta da Corte uma possível mudança no entendimento da prisão após a condenação em segunda instância, ela preferiu encaminhar ao Plenário a votação do habeas corpus de Lula, sem que a jurisprudência do STF fosse alterada. Isso revoltou alguns ministros, como por exemplo, Gilmar Mendes e Marco Aurélio Mello.

Hoje, o tribunal está mais dividido do que antes. A ação surpresa do juiz pode ter sido mais uma saída estratégica para que o petista fosse preso. Uma demora no decreto da prisão de Lula poderia favorecer manobras no STF para que Lula não fosse para a cadeia.

Pressão
Há uma grande pressão sobre a Corte para que seja julgado, novamente, o assunto sobre a prisão em segunda instância. Esse método se for alterado poderia beneficiar Lula e vários outros condenados pela Lava Jato.

A ministra Rosa Weber é uma das que mais está sofrendo com essa pressão, já que ela tem sido o voto de desempate e que complicou a vida do ex-presidente.

Membros de entidades que reúnem advogados e defensores públicos já pediram para que o PT evite pressionar a ministra, pois isso, faz parecer que qualquer decisão do STF seria para ajudar Lula.

Sérgio Moro comentou, num evento em Porto Alegre, na manhã desta terça-feira (10), que confia muito em Rosa Weber e que ela tem sido um exemplo ao não falar com a imprensa. Para o magistrado, todos os juízes deveriam seguir o conceito dela, inclusive, ele mesmo.

Cidadãos
Em seu discurso nesse evento de Porto Alegre, do Fórum da Liberdade, Moro ressaltou que é de grande importância os cidadãos saberem tudo que envolve o Judiciário. Assim, todos podem chegar às suas próprias conclusões.

O juiz ainda ressaltou que existe uma diferença entre vazamento e publicidade.

Via: blastingnews


Gostou? Compartilhe!