Senador petista Humberto Costa ataca e acaba destroçado por Sergio Moro

Por ocasião da presença de Sergio Moro, ministro da Justiça do Governo Bolsonaro, na CCJ do Senado Federal para discussão a respeito da prisão após condenação em segunda instância, o senador petista Humberto Costa atacou Sergio Moro com insinuações e distorceu as implicações da aplicação da pena em segundo grau. Sergio Moro, por sua vez, rebateu de forma contundente.

“O que nós falamos aqui não é de um processo que não tem cara. Que não tem pessoas. Sim, o acusado tem de ser protegido. Tem de ser garantida a ampla defesa. Sim, a prisão antes do julgamento tem de ser excepcional para evitar injustiças. Sim, tem de ter direito de recursos. Mas temos que submeter nosso sistema a uma inefetividade completa?”, questionou Moro.

“A corrupção mata. Desvia recursos da educação, da saúde, de obras públicas que poderiam melhorar a vida de muitas pessoas. Discordo das afirmações de que os principais prejudicados pelo restabelecimento da prisão em segunda instância seriam os mais pobres. É exatamente o contrário! Eles são os maiores prejudicados pelo crime!”, asseverou o ministro.

“Os algozes dessas vítimas precisam ser levados à Justiça e a Justiça precisa dar uma resposta!”, acrescentou.

Veja o Vídeo.