Sérgio Moro nega pedido de Lula e mantém data dos interrogatórios

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva havia pedido para suspender os interrogatórios de Marcelo Odebrecht, dono da empreiteira que leva o seu nome, e Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda, na ação em que o petista responde por supostas vantagens indevidas recebidas da Odebrecht.

O juiz Sérgio Moro negou nesta segunda-feira.

Lula queria que os interrogatórios fossem adiados, alegando que não teve tempo para analisar dados dos sistemas de contabilidade paralela da companhia, anexados ao processo na semana passada.

O depoimento de Lula está agendado para o dia 13 de setembro, em Curitiba.

 

Marcelo Odebrecht, Demerval de Souza Gusmão Filho e Paulo Ricardo Baqueiro de Melo estão prestando depoimentos hoje.

Já Palocci tem depoimento agendado para quarta-feira (dia 6).

 

Via papotv.com.br

     

Gostou? Compartilhe!

  • 3K
    Shares