URGENTE: Polícia Federal prende amigos de Michel Temer

A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira, 29, o empresário e advogado José Yunes, também o presidente da empresa Rodrimar, Antonio Celso Grecco, e ainda o ex-ministro de Agricultura Wagner Rossi.

 

A ordem de prisão de José Yunes é temporária – por cinco dias.

O coronel da PM reserva João Batista de Lima Filho, o coronel Lima, também foi preso.

As prisões são parte da Operação Skala, deflagrada nesta quinta pela PF em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Também foram presos na mesma operação o ex-ministro da Agricultura e ex-deputado federal Wagner Rossi, que em 1999 e 2000 foi diretor-presidente da Companhia Docas do Estado de São Paulo, estatal administradora do porto de Santos; Milton Ortolan, auxiliar de Rossi; e o ex-coronel da Polícia Militar de São Paulo João Batista Lima, outro amigo do presidente Michel Temer.

A operação foi autorizada pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator do inquérito que investiga se Temer, por meio de decreto, beneficiou empresas do setor portuário em troca de suposto recebimento de propina.

 

Com G1 e Estadão. e PAPOTV

Gostou? Compartilhe!
  • 3.3K
  •  
  •  
  •  
  •  
    3.3K
    Shares