URGENTE: TSE autoriza investigação sobre shows de Roger Waters

O Tribunal Superior Eleitoral autorizou a abertura de processo contra Fernando Haddad por causa da turnê de Roger Waters. O despacho foi assinado pelo ministro Jorge Mussi. 

A ação foi apresentada pela campanha do presidenciável Jair Bolsonaro. 

A acusação é de que as mensagens divulgadas pelo artista “são de extrema gravidade e demonstram a premeditação e o explícito propósito de denegrir sua imagem e causar nos telespectadores/fãs uma forma de repulsa, pela evidente campanha negativa, o que não condiz com a realidade”.

Os advogados de Bolsonaro ressaltaram que “os ataques possuem grande semelhança conceitual com a propaganda produzida pelo PT”.

O ex-Pink Floyd exibiu em seus shows o nome de Bolsonaro como um representante do “neofascismo” seguidos da hashtag usada pelo PT, #EleNão.

 

Via: PAPOTV

Compartilhe em Suas Redes Sociais