Witzel diz que ajudou a eleger Bolsonaro e vira piada nas redes sociais

Após ser alvo de operação da Polícia Federal, na manhã de hoje, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, em coletiva de imprensa, afirmou, dentre outras barbaridades, que ajudou a eleger o presidente Bolsonaro.

Witzel também disse que irá combater o ‘fascismo” e que não deixará o presidente Bolsonaro se tornar mais um ditador na América Latina. O governador finalizou sua fala minimizando a operação: para ele, o inquérito é fantasioso, os fatos são facilmente esclarecidos e não havia necessidade da operação.

Veja abaixo:

Populares e deputados bolsonaristas debocharam da fala do governador nas redes sociais, lembrando que quem buscava a todo momento vincular a sua imagem à do presidente Bolsonaro era o governador, que foi chamado de estrume, aproveitador, verme e ditador.

O deputado Carlos Jordy afirmou que a fala de Witzel é a “de um megalomaníaco que demonstra seu descolamento da realidade. É a definição perfeita de “poste mijando no cachorro”.