Connect with us

Política

Guilherme Fiuza: “4 linhas no Brasil virou piada de mau gosto”

Guilherme Fiuza - Foto Reprodução do Twitter

Nesta segunda-feira, dia 19 de dezembro, o jornalista Guilherme Fiuza vem sendo responsável por um intenso debate nas redes sociais em relação a famigerada frase “quatro linhas da Constituição”. Em resumo, o comentarista afirmou que no Brasil esse termo não passa de uma piada de mau gosto. 

“Quatro linhas no Brasil virou piada de mau gosto. Ou você reage agora, ou vão te tomar tudo na mão grande – rindo da sua cara, te chamando de Mané e te mandando calar a boca, como já estão fazendo desde que usaram um meliante para roubar a democracia. Ou você luta, ou você já era.” Disparou Guilherme Fiuza.

Você pode gostar: Gilmar Mendes praticamente “fecha” o congresso após mais um pedido do Rede Sustentabilidade

Web rebate Guilherme Fiuza “Não temos as informações que o Presidente tem” 

Após a declaração de Guilherme Fiuza no Twitter, os seus seguidores e muitos outros internautas iniciaram um debate. Muitos apoiaram a dura declaração do jornalista. Por outro lado, houve pessoas que ainda confiam em uma reviravolta na atual situação.

“Não cabe a gente, que não temos as informações que o Presidente tem, definirmos quando é a hora. Precisamos confiar!! Foi isso que fizemos até agora e é isso que temos que fazer. Vamos continuar nas ruas, protestando pelo resultado nefasto dessas urnas fraudulentas.” Comentou uma seguidora.

Confira: Rodrigo Constantino retrata o Brasil atual: “Um país dominado por malandros e bandidos”

Por fim, uma parte desacredita que as 4 linhas funcionem para todos de forma igual. “Essas são as 4 linhas destinadas às pessoas honestas que apoiaram o presidente nos últimos anos. Estamos em uma ditadura desde 2019, após a abertura do inquérito ilegal no supremo. Desde então não tivemos uma única vitória. Inocentes estão sendo caçados sem que ninguém faça NADA.” Comentou outro internauta. 

Confira também notícias no nosso canal no Telegram, clicando aqui.

Leia também: General Heleno desmente o Metrópoles, mas acaba irritando conservadores, entenda


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.