Connect with us

Economia

Luiza Trajano Confessa Medo de Falência e Implora por Redução de Juros

Avatar of Alteni

Published

on

Luiza Trajano Confessa Medo de Falência e Implora por Redução de Juros
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Luiza Trajano Revela Apreensão com o Setor de Varejo e Pede Redução na Taxa de Juros

Luiza Trajano, a poderosa líder do Magazine Luiza, revelou sua apreensão com a situação do setor de varejo e apelou ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, por uma redução na taxa de juros para evitar um colapso na indústria.

Pedido Desesperado à Presidência do Banco Central

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A empresária expressou suas preocupações em um evento do Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV) na segunda-feira, 12. Durante o encontro, Luiza mencionou que já havia feito contato com Campos Neto “mais de 20 vezes”, discutindo a necessidade de reduzir a taxa Selic, atualmente em 13,75% ao ano.

Trajano defendeu que “nossa realidade é diferente” e que o setor de varejo é um motor essencial para a indústria e a produção. Com excesso de produtos e indústrias com dificuldades para escoá-los, a empresária alertou que “esse remédio amargo nem sempre solucionou a inflação”.

Leia também: CPI de 8 de Janeiro Convoca Anderson Torres e Mauro Cid, mas Rejeita Gonçalves Dias

A possibilidade de falência de pequenas e médias empresas impulsionou o pedido de Luiza para a redução dos juros. A empresária argumentou: “Já tomamos muitos remédios amargos. Gostaria de pedir, por favor, que desse um sinal de que vai reduzir esses juros.”

Campos Neto, respondendo ao apelo, explicou que os juros futuros no Brasil já tinham sido significativamente reduzidos, abrindo espaço para um corte na Selic. Contudo, apesar de entender a justificativa, Luiza reforçou que “a paciência dos brasileiros está se esgotando”.

Para Trajano, o cenário técnico discutido nas reuniões contrasta fortemente com a realidade vivida pelos empresários e trabalhadores do setor de varejo. Ela concluiu seu apelo com um pedido emocionante: “Sem um sinal, não vamos resistir. Quantas lojas aqui já fecharam? Gostaria de lhe pedir, em nome dos brasileiros, que desse um sinal – e não é de 0,25 ponto, precisamos de mais.”

A resposta de Campos Neto foi uma promessa de retorno ao evento em um ano, com a confiança de que a variação dos juros será positiva. Para Luiza Trajano, no entanto, isso pode ser tarde demais. “Muitos já estarão quebrados”, lamentou a empresária.

Receba notícias exclusivas no nosso grupo do WhatsApp! Clique aqui para entrar.

Você também pode Gostar: Vídeo revela desespero de Luiza Trajano: ‘Excesso insustentável de mercadoria no Magazine Luiza’

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.