Connect with us

Política

PL de Bolsonaro volta a ser alvo de narrativa da velha imprensa, confira

PL Bolsonaro - Foto Reprodução do Twitter

De acordo com matéria do Antagonista, o PL, partido de Jair Bolsonaro, pedirá nos próximos dias ao Tribunal Superior Eleitoral a anulação das eleições de 2022. Em resumo, a informação foi confirmada pela Jovem Pan e esta ação que está sendo finalizada considera pelo menos duas auditorias sobre as famigeradas urnas.

Primeiramente, um dos relatórios de fiscalização do PL, concluiu não ser possível validar os resultados gerados em todas as urnas eletrônicas de modelos 2009, 2010, 2011, 2013 e 2015. Além disso, vale informar que o documento é assinado por Carlos Rocha, presidente do Instituto Voto Legal, seu vice, o engenheiro eletrônico Márcio Abreu e o membro associado Flávio Gottardo de Oliveira, engenheiro Aeronáutico, ambos formados no Instituto da Aeronáutica o ITA.

Você pode gostar: Luiz Fux arquiva inquerito contra Gleisi Hoffmann por “indícios Mínimos” para investigação

Confira trecho do relatório do PL sobre as eleições 

No relatório específico sobre a impossibilidade de auditar as urnas apresentado pelo PL, já está circulando pelas redes sociais. Além disso, está sendo debatido pelos programas políticos e também por parlamentares das redes sociais, confira um trecho. 

“O objetivo do trabalho técnico apresentado neste relatório foi encontrar a causa que teria gerado os resultados dos estudos estatísticos, que mostraram uma interferência indevida nos percentuais de votação dos candidatos pelas urnas eletrônicas de modelos antigos. Não funcionaram corretamente. 

Confira: Paulo Figueiredo: “O deboche do Xandão em NY servirão como combustível para inflamar as manifestações”

Para encontrar evidência para que esse grupo de urnas não teria funcionado corretamente, foi realizado uma análise inteligente dos dados contidos nos arquivos log de urna. De todos os modelos de urna eletrônica utilizados nas eleições de 2022.”

Conheça nosso canal no Youtube:

Leia também: Inacreditável! Barroso zomba de brasileiro em NY: “Perdeu mané! Não amola”

Atualização: O PL negou que tenha solicitado a anulação das eleições e que o ralatório final só vai ser concluído em dezembro.

SEGUE A GENTE TAMBÉM NO TWITTER:

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.