Connect with us

Política

Venezuelana esfrega na cara de Luciano Huck a destruição que os amigos de lula fizeram em seu país

Venezuelana e Luciano Huck - Foto Reprodução do Twitter

Durante o programa de Luciano Huck a Globo foi surpreendida com uma entrevista chocante de uma refugiada venezuelana. Em resumo, Marifer Vargas, teve que fugir de seu país em agosto de 2017, após sofrer perseguição política, enfrentar um sequestro e ficar afastada de seu esposo por mais de um ano e meio, enquanto tentava se desvencilhar de agentes do governo de Nicolás Maduro, amigo de Lula.

Na entrevista para Luciano Huck a venezuelana contou como seu país era antes da esquerda assumir o poder. “Faz sentir muita raiva, muita dor, muita impotência, sabe, porque você não merece isso. Porque você sabe que o seu país é um país bom, é um país que já foi gigantesco em todos os sentidos.” Disse Madifer.

Você pode gostar de: Câmara aprova convocação de Marcos Valério para explicar ligação PT e PCC

A venezuelana diz para Luciano Huck que não precisava sair de seu país

Ainda falando das maravilhas que seu país oferecia, a venezuelana Marifer Vargas comparou a Venezuela com a Arábia Saudita em termos de exportação de Petróleo. “Era uma Árabia Saudita da América Latina” Disse à refugiada e continuou.

“A gente não precisava sair do nosso país, porque a gente tem tanta beleza, tanta coisa linda, tanta coisa boa que a gente muitas vezes a gente pensava que vou sair do meu país. Tem bem estar, tenho segurança, tenho condição de vida, tenho como me sustentar, tenho como manter minha família, tenho tudo.” Relembrou a venezuelana.

Confira: Bolsonaro exige que a posse da diretoria seja assinado com caneta BIC

Por fim, Luciano Huck perguntou em quanto tempo seu país foi destruído pelo governo da esquerda: “Em quanto tempo por conta de um governo equivocado sob o ponto de vista de liberdade e afronta à democracia, em quanto tempo isso aí tudo acabou e você se viu tendo que fugir para outro país?” Perguntou Huck recebendo uma resposta rápida e objetiva: “Em dois anos”.

Talvez você goste de: Lula manifesta estar desapontado com a diminuição dos preços dos combustíveis

SEGUE A GENTE TAMBÉM NO TWITTER:

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.