Connect with us

Política

Bia Kicis faz grave denúncia na Câmara sobre violações de direitos de manifestantes 

Bia Kicis - Foto Reprodução do Twitter

A deputada Bia Kicis, soltou o verbo durante sessão da Câmara dos Deputados que acabou aprovando, de forma simbólica, a intervenção federal no Distrito Federal. Vale ressaltar que a aprovação ao decreto de Lula, dispensou até mesmo a comprovação de presença dos parlamentares, e a deputada se mostrou contrária à intervenção. 

A deputada Bia Kicis explicou que não existe mais agitação na cidade e destacou as inúmeras denúncias de violação de direitos humanos. Em resumo, as informações estão chegando do local para onde foram levadas milhares de manifestantes sob uma famigerada acusação genérica. 

Você pode gostar: Tarcísio, frente a frente com Lula e ministros do STF, dá uma lição: “Pacificação demanda gestos. Gestos do Judiciário, gestos do Executivo”

Bia Kicis diz que se o governador do DF foi afastado então Flávio Dino também teria que ser 

Ademais, Bia Kicis citou que a intervenção federal é uma medida extrema e excepcional, que não está sendo justificada, afinal o evento já está encerrado. Além disso, disse que o ministro da Justiça de Lula também deve ser responsabilizado sobre o ocorrido, contudo as consequências estão sendo distribuídas por motivações políticas. 

“Se é possível fazer acusação por omissão, negligência, seja o que for, aos comandos do Distrito Federal, a mesma acusação tem que ser apontada para a Força Nacional. O Governador do Distrito Federal foi, inclusive, afastado de forma ilegal, sem nenhuma justificativa ou fundamento legal ou constitucional. Esse mesmo motivo deveria, então, levar ao afastamento do Ministro da Justiça, Flávio Dino”. Disse a deputada.

Confira: Deputado lamenta situação com patriotas presos: “Pelo amor de deus, nada justifica isso!”

A deputada afirmou, ainda, que há relatos, vindos de diversas fontes, de que já teria havido pelo menos um óbito no local onde foram enviadas centenas de pessoas, sem água nem alimentação. Além disso, lembrou que essas pessoas estão sob a custódia da Polícia Federal, ou seja, subordinada ao Governo Federal.

Confira também notícias no nosso canal no Telegram, clicando aqui.

Leia também: Michelle Bolsonaro se pronuncia falando a verdade sobre internação de Bolsonaro


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.