Connect with us

Política

Fábio Porchat sai em defesa de Paulo Vieira que foi massacrado após “piadinhas” com bolsonaristas

Fábio Porchat - Foto Reprodução do Twitter

Nesta quinta-feira, dia 29 de dezembro, o humorista e lacrador de esquerda Fábio Porchat usou suas redes sociais para defender Paulo Vieira. Em resumo, Vieira tem sido alvo de uma enxurrada de críticas nas redes sociais após suas piadas com bolsonaristas e com o empresário Luciano Hang, durante o evento Melhores do Ano, na Rede Globo. 

Vale lembrar, que Fábio Porchat fez piadas contra Gkay recentemente e a influenciadora também foi detonada na web por se vitimizar. Ou seja, a hipocrisia reina na esquerda de forma surreal. No Twitter, Porchat autor das piadas sobre Gkay solicitou que seus seguidores mandassem “coisas boas” para o amigo Paulo Vieira.

“Minha gente, um monte de racista escroto resolveu atacar o Paulo Vieira de forma orquestrada. Vamos encher a timeline dele de coisa boa pra esses imbecis serem soterrados? Quem começa?”, pediu.

Você pode gostar: Paulo Guedes manda recado para quem quer ‘sabotagem’ e dispara: ‘Jogamos dentro das quatro linhas, demos o melhor pelo país’

Defendido por Fábio Porchat, Vieira também respondeu os ataques sofridos na web

Como era de se imaginar o “ódio do bem” só funciona de um lado. E logo após responder vários internautas nas redes sociais, após piada com Luciano Hang, dono da Havan, Paulo Vieira expôs várias mensagens que vem recebendo. Por outro lado, o lacrador da Globo aproveitou para explicar que está bem, contudo que está recebendo muitos ataques deste tipo.

Confira: Exército impede que manifestantes sejam retirados de frente do QG do DF

“São centenas de comentários assim. Fora as ligações pra mim, pra minha equipe, minha família. E eu tô bem, tá? Sei que isso é só reação ao poder incontestável do humor. Tô forte e cada vez mais certo do meu papel”, explicou Paulo Vieira, amigo de Fábio Porchat, aquele que fez piada com Gkay. Ou seja, a “esquerda caviar” está em crise. 

Confira também notícias no nosso canal no Telegram, clicando aqui.

Leia também:  Constantino detona Folha após outra narrativa sobre Bolsonaro e Lula 


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.