Connect with us

Política

Revelações Inesperadas: Senador expõe votos de Barroso e Moraes sobre liberdade de expressão

Avatar of Alteni

Published

on

Revelações Inesperadas: Senador expõe votos de Barroso e Moraes sobre liberdade de expressão
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Senador quebra o silêncio e divulga como Barroso e Moraes votaram sobre a liberdade de expressão

Em um momento crítico da democracia brasileira, o senador Rogério Marinho (PL-RN) expressou sua profunda preocupação com episódios recentes que parecem atentar contra a liberdade de expressão no país. Como ilustração desse cenário, o parlamentar trouxe à tona as críticas proferidas por membros do governo federal ao jornalista Alexandre Garcia, acusando-o de disseminar notícias falsas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Marinho ressaltou a necessidade de resiliência e serenidade diante dos desafios atuais, defendendo o valor inquestionável da liberdade de expressão. “É fundamental que mantenhamos nossa capacidade de indignação, mas com equilíbrio e discernimento. Precisamos preservar valores que são a base da nossa sociedade, respeitando todas as formas de expressão, mesmo que pareçam exageradas. A história já nos mostrou que reprimir a voz do povo desestabiliza a democracia”, enfatizou o senador.

Para embasar sua argumentação, Marinho leu publicamente trechos dos votos dos ministros do Supremo Tribunal Federal, Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. Ambos reiteraram a essencialidade da liberdade de expressão, mesmo em manifestações consideradas “duvidosas, exageradas, condenáveis ou humorísticas”.

O senador, em sua busca por transparência e combate às notícias falsas, ressaltou sua atuação junto à Advocacia-Geral da União (AGU). Revelou ter solicitado, por três vezes, a atuação do órgão frente à disseminação de informações inverídicas pelo presidente da República. O caso citado referiu-se à afirmação presidencial de desconhecimento sobre a existência do Tribunal Penal Internacional.

Citando outra declaração polêmica, Marinho recordou quando o ex-presidente Lula mencionou que Vladimir Putin, presidente da Rússia, não seria detido se viesse ao Brasil. “Tais afirmações comprometem a imagem e a autoridade da Presidência da República. Ignorar questões de tal magnitude, que influenciam diretamente as relações internacionais, é inadmissível”, finalizou o senador.

Você também pode gostar: Contra Moraes, Nunes Marques se opõe em voto surpreendente

Receba notícias exclusivas no nosso grupo do WhatsApp! Clique aqui para entrar.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao usar nossos serviços você concorda com as nossas políticas de privacidade.